Porque a Amazônia está em perigo? Verifique isto – Por que a Amazônia é tão perigosa


Testemunhei conflitos de terra, trabalho escravo, assassinatos, garimpagem, invasão de reservas indígenas, derrubadas e incêndios de florestas, tensão em torno de grandes empreendimentos econômicos e outros itens de uma pauta marcada por muita violência.São vários os motivos que levam à acelerada degradação na Amazônia. A exploração desordenada de seus recursos, principalmente de madeira, a expansão da agropecuária e o garimpo vêm aumentando as áreas desmatadas. O processo de desmatamento acarreta consequências negativas, como a diminuição da biodiversidade.

Os 15 animais mais perigosos da Amazônia

  1. Piranha-vermelha (Pygocentrus nattereri)
  2. Jacaré-açu (Melanosuchus niger)
  3. A rã Dendrobates tinctorius.
  4. Armadeira (Phoneutria nigriventer)
  5. Centopeia-gigante-amazônica (Scolopendra gigantea)
  6. Poraquê (Electrophorus electricus)
  7. O escorpião Tityus trivittatus.
  8. Mosquitos.

Atualmente, é grande o desmatamento na floresta amazônica, que vem cedendo espaço para lavouras e pastos, provocando diversos impactos ambientais.

O que mais destrói a Amazônia

Entre as principais causas do desmatamento da Amazônia, podem-se destacar a impunidade a crimes ambientais, retrocessos em políticas ambientais, atividade pecuária, projetos de extração de madeira, mineração, estímulo à grilagem de terras públicas e a retomada de grandes obras.A floresta Amazônica representa um terço das florestas tropicais do mundo, desempenhando papel imprescindível na manutenção de serviços ecológicos, tais como, garantir a qualidade do solo, dos estoques de água doce e proteger a biodiversidade.Queimadas e pastagens
Até 2004, só no Brasil, cerca de 1,2 milhão de hectares de florestas foram convertidos em plantações de soja. Cerca de 12% da Amazônia virou pasto. Os agricultores costumam desmatar a floresta para plantar capim (visando a criação de gado) ou desenvolver cultivos agrícolas.

  Qual é o derivado do frio? Verifique isto - Quais são os derivados de frio

Se o bioma é devastado, há o favorecimento do aumento das temperaturas. O desmatamento favorece o empobrecimento do solo, os processos erosivos e também o assoreamento dos rios. A cobertura vegetal é fundamental para a manutenção dos solos e a preservação dos seus nutrientes.

Qual será o futuro da Amazônia

Em 2050, metade da floresta pode virar savana. Os pesquisadores envolvidos com o estudo não acreditam na primeira via de desenvolvimento da Amazônia. Foi o debate de décadas atrás, de tentar preservar tudo com unidades de conservação. “A ideia de colocar uma cerca na Amazônia era impossível”, diz Nobre.A Amazônia internacional corresponde a uma área ao Norte da América do Sul, a qual abrange nove países: Brasil, Guiana Francesa, Suriname, Guiana, Venezuela, Colômbia, Equador, Peru e Bolívia. Apesar de sua grande área, aproximadamente 60% da Amazônia ocorre no território brasileiro.Foram 11,6 mil km2 de floresta derrubados, o segundo maior número dos últimos 13 anos. Monitoramento identifica dinâmica de aumento dos grandes polígonos de desmate, que têm mais de 100 hectares.

  Quem foi a rainha da Grande Rio? Verifique isto - Quem é a rainha da Grande Rio

Se o bioma é devastado, há o favorecimento do aumento das temperaturas. O desmatamento favorece o empobrecimento do solo, os processos erosivos e também o assoreamento dos rios. A cobertura vegetal é fundamental para a manutenção dos solos e a preservação dos seus nutrientes.

Se um dia a floresta sumir, muita coisa seria diferente. Pela mudança no regime de chuvas, a colheita das fazendas em grande parte do Centro-Oeste e do Sudeste seria bem menor. A mesma falta de chuvas impactaria a geração hidrelétrica e o abastecimento de água de parte da população brasileira.

Floresta Amazônica
Conhecida como 'Pulmão do mundo', a Floresta Amazônica é a maior floresta do mundo, com aproximadamente 7 milhões de quilômetros quadrados.

Qual é a situação atual da Amazônia 2022

Índice de 2022 ainda não está com dados completos. Quando comparada toda a série, o acumulado de alertas de desmatamento em 2022 na Amazônia Legal marca o quarto ano consecutivo da gestão do presidente Jair Bolsonaro (PL) em que os alertas por ano civil ficam acima da marca de 8 mil."A Amazônia é uma grande terra de ninguém, uma grande bagunça. Lá acontece de tudo, ninguém vê nada", afirmou a cantora. O comentário vem dez dias depois dos corpos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista Dom Phillips serem encontrados na região do Vale do Javari, no Amazonas.Em 2050, metade da floresta pode virar savana. Os pesquisadores envolvidos com o estudo não acreditam na primeira via de desenvolvimento da Amazônia. Foi o debate de décadas atrás, de tentar preservar tudo com unidades de conservação. “A ideia de colocar uma cerca na Amazônia era impossível”, diz Nobre.

  Qual a última divisão inglesa? Verifique isto - Qual a última divisão da Inglaterra